Propionato de Cálcio: o que é e para que serve nos alimentos?

Propionato de Cálcio: o que é e para que serve nos alimentos?

Para começarmos a entender para que serve o propionato de cálcio, precisamos antes saber um pouco mais sobre este insumo tão importante para a indústria alimentícia. Bom, para começarmos, o propionato de cálcio é um sal com origem a partir do ácido propiônico. Assim como outros sais, e até mesmo o NaCl, ou cloreto de sódio, ou sal de cozinha, ele é um pó de cor esbranquiçada. 

Agora que já entendemos um pouco sobre o que é o propionato de cálcio, precisamos entrar em uma questão específica na produção de alimentos. A qualidade e a segurança alimentar. Todo produtor de alimentos deve ter em mente que nem sempre seus produtos irão chegar a casa de seus consumidores com a mesma qualidade com a qual eles saíram da sua fábrica. 

É necessário pensar que desde a produção até a hora na qual o alimento será consumido, ele irá passar por inúmeras etapas, como a espera em seu depósito, o posterior caminho até o supermercado, por exemplo, o tempo no depósito do estabelecimento, a ida para a prateleira, à espera até ser comprado pelo seu cliente final e, por fim, mas não menos importante, o tempo em que este alimento ficará armazenado na despensa da casa do consumidor final até a hora, qual ele será consumido

Observe como este esquema pode durar dias ou, até mesmo, semanas. Durante este processo, o alimento produzido na sua empresa estará sujeito às mais diversas contaminações, pois não é possível você garantir a higiene dos estoques, sejam eles de supermercados ou da despensa do consumidor final. Porém, mesmo com todas essas variáveis é necessário garantir que o produto esteja no prazo de validade e de acordo com as exigências da Agência Nacional de Vigilância Sanitária

E é exatamente neste ponto específico das variáveis que podemos te ajudar com o propionato de cálcio e todo o nosso conhecimento e experiência. Acompanhe o nosso artigo até o final que você irá entender melhor como este sal vai garantir a segurança alimentar que seus clientes tanto procuram na hora de realizarem as suas compras e de escolherem a sua marca diante de tantas outras. 

Propionato de cálcio, um sal conservante

Bom, chegou a hora de falarmos especificamente sobre o propionato de cálcio e como ele pode ajudar a sua empresa a transmitir mais qualidade e segurança para os seus consumidores, mesmo com todas as etapas que o alimento irá passar, desde o final da produção até ser consumido. Como falamos no título deste tópico, o propionato de cálcio é um sal conservante que ajuda a melhorar a segurança de seus alimentos. 

A sua atuação e eficácia estão na inibição do crescimento de fungos e bactérias que podem gerar mofo em seus alimentos. Muitas vezes esse mofo, que pode parecer inofensivo, é extremamente patológico e pode causar doenças graves nos consumidores. O propionato de cálcio ainda consegue ajudar na prolongação da vida útil dos produtos. Ou seja, maior prazo de validade, menos perdas financeiras para a empresa e também para o seu consumidor. 

A sua origem é natural e por este motivo ele está presente em diversos alimentos, mesmo que em pequenas quantidades. Como já dissemos, na indústria alimentícia ele é usado como um conservante eficaz e seguro, impedindo desta forma que bactérias e fungos formem bolores e contaminem os seus alimentos. 

Onde utilizar o Propionato de Cálcio?

O propionato de cálcio é ideal para ser utilizado em pães em geral, em bolos, panetones, massas frescas recheadas ou sem recheio. Pode ainda fazer parte da composição de massas com umidade superior a 15%, massas semi-prontas, produtos de confeitarias e muitos outros alimentos. Na panificação ele inibe a formação de bolores da família dos Bacillus mesentericus e, quando aplicado sobre carnes processadas, atua como um conservante seguro e eficaz. 

A sua maior utilização talvez seja na panificação. Por ter alta efetividade para impedir o desenvolvimento de bacilos que são os principais responsáveis pela formação de fungos e das bactérias. O seu grande diferencial consiste no fato dele inibir esses patógenos sem influenciar na ação direta das leveduras que fazem a fermentação dos alimentos panificados. 

Aqui, vale uma ressalva importante. O propionato de cálcio deve ser utilizado com fermentos naturais. Quando ele é utilizado com fermentos químicos, pode ocorrer interações indesejadas entre o propionato de cálcio e os componentes do fermento. Por isso, muito cuidado. Utilize-o com fermento biológico utilizados na panificação de pães, biscoitos e, até mesmo, para a fabricação de massas de pizza. 

Em nosso e-commerce você vai encontrar o propionato de cálcio nas embalagens de 120 gramas da linha QualiPRO, de 500 gramas, 1 quilograma e de 25 quilogramas. Todas mantêm a qualidade e são pensadas para melhor atender as demandas da sua indústria. Confira tudo o que os mais de 24 anos da Adicel tem para oferecer para você e para a sua empresa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.